Apresentação

A ideia para criar este blog surgiu no âmbito do tema da nossa Área de Projecto, que relaciona a saúde e os avanços da ciência e da tecnologia nos nossos dias com o quotidiano.

Escolhemos o tema da auto-imunidade porque está inserido no fascinante capítulo do livro de Biologia doptado pela escola, "Imunidade e Controlo de Doenças", e também pois a pesquisa será muito importante para a nossa vida profissional futura.

Neste blog postaremos inúmeras doenças auto-imunes, e esperamos que estas informações sejam úteis aos leitores.

domingo, 27 de Abril de 2008

DOENÇA DE ADDISON

A Doença de Addison, também conhecida por insuficiência adrenal crónica, ou por hipocortisolismo é uma doença endócrina, crónica e auto-imune, em que a glândula adrenal não produz hormonas esteróides em quantidade suficiente (glucocorticóides e mineralcorticóides). É uma doença causada pela destruição do cortex adrenal devido a anticorpos contra a enzima 21-hidroxilase. A produção das hormonas adrenais é reduzida e a concentração da hormona ACTH, que estimula as supra-renais a produzir hormonas, aumenta. Os sintomas da doença de Addison são fadiga, fraqueza muscular, perda de peso, perda de apetite, hipotensão, hipoglicémia, dormência das extremidades, irregularidades nos ciclos menstruais, poliúria, vómitos, diarreia, dores de cabeça, suores, mudanças de humor e de personalidade e dores musculares e articulares.
Os sinais clínicos são pressão arterial baixa, hiperpigmentação da pele, bócio e despigmentação da pele. É diagnosticada com análises sanguíneas (níveis baixos de hormonas adrenais e níveis altos de ACTH) e com a pesquisa de anticorpos anti-21-hidroxilase. Esta doença é tratada com injecções de cortisol, a hormona que não é produzida, injecções salinas e glucose. A doença não tem cura, mas com o tratamento adequado o prognóstico é bom.

Sem comentários: